quarta-feira, 23 de abril de 2014

Nunca se perca por amor



Podemos decidir muitas coisas, podemos e devemos fazer escolhas a todo momento, mas tudo isso tem influência sobre os resultados até certo ponto. Somos apenas uma pequena parte do todo e, por isso, vivemos também sob a influência do imponderável, do inexplicável, do Invisível e até do impensável. Ou seja, vivemos sob as demandas do incontrolável.
E isso significa dizer que, muitas vezes, depois de já ter tentado tudo o que podia, depois de ter feito o melhor que conseguia, não haverá mais nada que você possa fazer para mudar uma situação senão aceitá-la exatamente como ela é, senão confiar na sabedoria da vida e acreditar que o que tiver de ser, será! Que o melhor pode estar por vir se você realmente estiver disposto a aprender, a não repetir os mesmos erros e a, sobretudo, se perdoar pelo que não conseguiu acertar desta vez!
E quando você consegue fazer isso, quando consegue respirar fundo e simplesmente confiar, é inacreditável como você relaxa e tudo começa a fazer mais sentido, tudo começa a ficar mais fácil do que tem sido... Ou seja, o sofrimento começa a diminuir, a dor começa a passar e você termina descobrindo que nada é por acaso mesmo!
Especialmente quando o assunto é dor de amor, sofrimento por alguma frustração ou desilusão amorosa, a gente costuma acreditar que nunca vai passar, ou que vai demorar mais do que podemos suportar, ou ainda que as consequências serão desastrosas, como nunca mais confiar em ninguém, nunca mais se entregar ou nunca mais sequer se relacionar.
Mas embora o tempo tenha seus segredos e poderes, há algo que você pode fazer agora para diminuir seu sofrimento, pra sentir essa dor sumir pouco a pouco. E isso é aceitar, confiar, entregar-se ao ritmo da vida, deixar-se levar com o fluxo do Universo e viver um dia de cada vez, sem fazer tantos planos, sem investir tantos pensamentos e tanta energia nesse acontecimento com o qual você não concorda! Apenas o agora, apenas este momento. E verá, surpreendido, que é bem mais fácil viver quando a gente para de brigar e simplesmente acreditar que, ao fazer o nosso melhor, o que tiver de ser nosso, será
- mais cedo ou mais tarde!

4 comentários:

  1. Maravilhoso e muito bem colocado!
    Pena que as pessoas quando sofrem não se veem um tempo depois!
    Confiar que o destino conspire a seu favor mesmo que no momento
    pareça que o mundo acabou para ela.
    O segredo é dar um tempo ao tempo,achar seu eixo, se amar mais e com o
    tempo investir em novas perspectivas

    Maria Cristina

    ResponderExcluir
  2. Amiga adorei...
    Ivana

    ResponderExcluir
  3. Está empolgada hoje!!!
    Bjs,
    Gi

    ResponderExcluir