quinta-feira, 27 de junho de 2013

No trabalho...




Na novela Amor à Vida, não é só o relacionamento da secretária Aline com o chefe César que tem chamado atenção. O figurino cheio de peças sexy da personagem de Vanessa Giácomo transformou a moça em polêmica entre as secretárias da vida real - e traz à tona a velha questão sobre adequação da roupa ao ambiente de trabalho.

"O guarda-roupa de trabalho deve combinar com o cargo e a empresa", diz Gloria Kalil, que adverte: "roupas 'na última moda' geralmente se dão mal nos escritórios". O segredo maior é montar uma roupa atualizada, mas que não seja chamativa. "Guarda-roupa de trabalho tem personalidade própria”, adverte.

Na dúvida sobre qual roupa é adequada para o ambiente de trabalho? Gloria Kalil resume: “A roupa profissional é aquela que não grita: ela não chama a atenção pela ousadia das cores, pelo pouco comprimento da saia, pela profundidade do decote. Uma pessoa sempre na última moda pode passar a imagem de futilidade. Porém, atenção: uma pessoa muito conservadora pode passar a imagem de uma pessoa desatualizada". 

"O que está em jogo durante o horário de trabalho é a sua cabeça, o seu desempenho. Uma escolha errada pode custar mais do que um vexame: pode custar um emprego”, completa Gloria. 

























Nenhum comentário:

Postar um comentário